8 de agosto de 2012 às 08h00min - Por Mário Flávio

O vice-governador João Lyra (PDT) usou o mistério para falar sobre a participação dele no guia eleitoral de Rádio e TV. Após a conversa que ele teve com Lícius Cavalcanti (PCdoB), Adolfo José (PSD) e Rubens Júnior (PTN), nessa terça (09), ele deixou a entender que no momento adequado vai dar o ar da graça no guia.

“Vou falar no momento certo. Pode ser no guia ou nas emissoras de rádio, blogs e jornais”, disse. O problema dele aparecer em outro guia, que não seja o de Zé Queiroz (PDT), é a questão do partido, já que ele é filiado ao PDT e teria problemas de autorização da sigla. No entanto, o vice deu a entender que, se necessário, fará um esforço para que essa questão se possível. “Ainda não decidi, mas posso usar até a justiça, se for necessário”, pondera.

Análise

A candidatura que João poderá dar suporte é a de Fábio José (PSOL), já que ele garantiu que não subiria no palanque de Miriam Lacerda (DEM). Aliados históricos de João, como é o caso de Zé Carlos Menezes e João de Salú, já entraram na campanha de Fábio e as fileiras podem aumentar nos próximos dias. Qual o tamanho desse estrago na campanha de Queiroz? Só o tempo e a história irão dizer.

João falou sobre sua participação no guia eleitoral


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro