23 de maio de 2012 às 21h17min - Por Mário Flávio

Amanhã a Executiva Nacional do PT decide o rumo do partido no Recife. Pelo que está se desenhando uma situação é dada como certa: o candidato do PT na capital não será João da Costa, uma vez que as principais lideranças do partido, entre elas o presidente estadual e deputado federal, Pedro Eugênio, o deputado e ex-padrinho de João da Costa, João Paulo e o senador Humberto Costa já dão como certa a anulação das prévias.

Nesse caso, uma nova prévia poderia ser marcada para a semana que vem ou a própria Executiva nacional pode evitar esse novo embate e indicar o nome do candidato para prefeito no Recife. Diante da gravidade do assunto e do clima de guerra que iria se tornar uma nova prévia, é provável que o partido decida indicar o nome do postulante.

Existe muita especulação que o nome de consenso seria o do senador Humberto Costa, mas o próprio negou a intenção de disputar a prefeitura. Outro nome especulado é o do deputado federal e ex-prefeito João Paulo, mas ele disse há pouco que vai lutar para que o indicado seja Maurício Rands.

A situação de João da Costa é tão complicada que caso realmente seja derrotado, ele não pode recorre a justiça, já que o estatuto do partido determina a expulsão imediata de quem entrar na justiça.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro