7 de agosto de 2013 às 07h25min - Por Mário Flávio

Na volta do recesso parlamentar em Caruaru, o vereador Jajá (PPS) fez um pronunciamento em tom de desabafo na tribuna da Câmara Municipal, na noite desta terça (6), após ter conseguido um Habeas Corpus para liberá-lo da prisão preventiva na Penitenciária Juiz Plácido de Sousa, no dia 30 de julho.

“Eu quero ver quem vai conseguir uma prova contra mim. Eu fui preso de forma inocente. Durante a prisão, minha preocupação era não poder ne defender, para mostrar que eu não era essa figura criminosa como fui apresentado para a população”, discursou.

Ele também se direcionou diretamente ao presidente da Casa, Leonardo Chaves (PSD). “Eu quero respeito, Leonardo. Estou reunindo todas as informações necessárias, sobre tudo que foi falado de mim relação a esse processo”, acrescentou.

Jajá recebeu decreto de prisão preventiva em junho, sob acusações de receptação qualificada e adulteração de placa de carro. Ele responde em liberdade e a primeira audiência judicial do processo contra ele foi marcada para esta quarta (07).

Confira


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro