1 de abril de 2014 às 10h58min - Por Mário Flávio

20140401-105846.jpg

O clima é tenso entre vereadores e lideranças ligadas aos Queiroz e Lyra em Caruaru. O motivo é a incerteza da dobradinha entre Wolney Queiroz (PDT) e Raquel Lyra (PSB). A questão é simples: caso os dois não repitam a parceria na eleição de deputado estadual e federal, como vai ficar a situação dos aliados? Se Raquel trouxer um deputado de fora o vereador ou a liderança vai ter como votar nele ou ficará livre para pedir votos para Wolney?

A situação é incerta e muitos torcem para que a aliança seja mantida. “Eles têm que ficar juntos, tenho a certeza que isso vai ocorrer”, disse um governista que pediu reserva. Já outro vereador da base apostou: “Não tem mais jeito, é água e óleo, não se misturam mais”. A conferir.,


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro