9 de setembro de 2013 às 15h02min - Por Mário Flávio

20130909-150616.jpg

O governador Eduardo Campos participou, na manhã desta segunda-feira (09), da abertura do Fórum Nordeste 2013, evento promovido pelo Grupo EQM e realizado no Bairro do Recife. Em seu discurso, Eduardo classificou o setor de biocombustíveis como estratégico para o Brasil na conjuntura das próximas décadas. O vice-governador, João Lyra Neto, o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, e o prefeito do Recife, Geraldo Julio, estiveram ao lado do governador no evento.

Para Eduardo, há uma necessidade de reformulações para o setor voltar a ter destaque no País. “O Brasil precisa valorizar esse segmento, precisa de regras claras e também ter coragem de fazer mudanças necessárias no arcabouço jurídico brasileiro para dar sobrevida às empresas que estão podendo produzir, mas que precisam sair do emaranhado jurídico que se gerou”, disse o governador.

Entre as dificuldades enfrentadas pelo setor, Eduardo destacou um problema cultural a ser vencido. “É preciso se retirar uma dose de preconceito e substituir por um pragmatismo gerencial na capacidade de enfrentar os problemas com racionalidade. Não estamos aqui para passar a mão sobre a cabeça de quem foi um mau empresário e não soube usar as oportunidades, de quem não honrou seus compromissos com os trabalhadores e a sociedade. Não é isso. Os que fizeram isso já ficaram no caminho”, afirmou.

O governador ressaltou ainda a importância do Fórum Nordeste, “que discute as oportunidades e desafio, as ameaças que se colocam nessa caminhada”, e falou do desafio brasileiro. “Precisamos de momentos como esses não apenas para fazer críticas, mas também para apontar caminhos e mostrar que temos capacidade de estabelecer uma unidade política sobre uma nova visão de um setor que é estratégico para o Brasil. O grande desafio que temos pela frente é consolidar uma matriz energética mais limpa e abrir áreas para a produção de alimentos”, pontuou.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro