18 de setembro de 2013 às 08h25min - Por Mário Flávio

tribuna

Volta e meia o vereador Gilberto de Dora (PSB) lembra aos vereadores da bancada de oposição algum calo das administrações municipais de Tony Gel em Caruaru. Desta vez, ao defender, durante discurso na Câmara nesta terça (17), o financiamento para implantação do projeto de sistema rápido de trânsito (BRT) para Caruaru, ele avaliou que o ex-prefeito, atualmente deputado estadual, devia ter se empenhado para ter conseguido um convênio com o governo federal, a fim de concluir as obras do Anel Viário, iniciadas na gestão do democrata.

“O empréstimo é muito importante quando se tem uma obra estruturadora. Por exemplo, o Anel Viário, tanto discutido como uma obra de grande importância para o trânsito de Caruaru. Eu acredito que foi muito importante, para facilitar o acesso entre Cohab 3, Inocoop e North Shopping, mas faltou ao poder executivo anterior uma visão administrativa e falta de prestígio com o presidente da época, Fernando Henrique Cardoso, e do então governador Jarbas Vasconcelos, para concluir a obra, só fez uma parte”,

Na verdade, ficou claro que o vereador usou isso como comparação para defender o deputado federal Wolney Queiroz (PDT), que vinha articulando a realização desse empréstimo, mas que inicialmente havia citado restritamente que era um repasse do governo federal. “Foi até mesmo falta de competência para conseguir um empréstimo para finalizar o Anel Viário. Não teria problema nenhum o executivo municipal estar pagando esse débito hoje, mas que representasse uma grande obra para trazer desenvolvimento econômico e acesso através de todo o entorno de Caruaru, como seria a obra concluída”, completou.

A verba para o projeto deve ser liberada pelo BNDES, que será repassada pela Caixa pra a prefeitura. Para que isso ocorra, é preciso aprovar o projeto de Lei nº 6.593/2013, de autoria do Poder Executivo, solicita autorização para a Prefeitura Municipal de Caruaru contrair financiamento junto à Caixa Econômica Federal para a implantação dos corredores Leste/Oeste e Norte/Sul do sistema. A votação ocorreria na terça (17), mas foi adiada provavelmente para a próxima quinta (19).


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro