10 de novembro de 2013 às 09h38min - Por Mário Flávio

Apoiado pelo ex-presidente Lula, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, provavelmente, será reeleito hoje para o cargo com a missão de coordenar a campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff, que deve enfrentar uma disputa acirrada, na opinião dos próprios petistas. E também com o desafio de tentar resgatar o peso que o partido tinha no governo Lula. A probabilidade é que Falcão, que enfrenta outros cinco candidatos, seja reeleito com cerca de 70% dos votos.

O Processo de Eleições Diretas (PED) do PT foi marcado por denúncias de compra de voto e cobranças sobre a burocratização do partido. A disputa interna também teve um efeito de catarse, com críticas à suposta centralização não só das decisões partidárias, mas também da interlocução com a presidente Dilma; e a políticas de alianças, principalmente com o PMDB. O PT também elege hoje novos diretórios estaduais e municipais.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro