26 de janeiro de 2012 às 16h20min - Por Mário Flávio

A secretaria de Comunicação da prefeitura de Caruaru enviou nota esclarecendo sobre a questão da entrega de medicamentos vencidos. Segundo a nota, a questão vai ser investigada. Eis a nota

Sobre a suposta entrega de medicamento vencido divulgada em alguns veículos de imprensa local, a Secretaria de Saúde informa que o caso configura-se em uma situação atípica que está sendo apurada, por meio de sindicância, para identificar a origem do problema, considerando que o controle de validade dos medicamentos é realizado mensalmente e que as Unidades de Saúde fazem o recolhimento dos medicamentos seguindo um procedimento padrão que determina a retirada em data próxima a um mês do prazo de validade.

De acordo a Secretaria de Saúde, a Central de Abastecimento Farmacêutica dispõe de sete profissionais farmacêuticos que supervisionam as farmácias localizadas nas Unidades de Saúde, onde são distribuídos os medicamentos.

A Secretaria de Saúde dispensa mensalmente cerca de 35 mil receituários, de pacientes atendidos nos diversos programas de saúde (hipertensão, diabetes, saúde da mulher, saúde da criança, saúde mental, glaucoma, Parkinson, tuberculose, hanseníase etc). São, ao todo, 112 fármacos, em 173 apresentações dentro da Relação Municipal de Medicamentos Essenciais.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro