7 de setembro de 2013 às 16h55min - Por Mário Flávio

DSCN0469

Em paralelo ao protesto dos professores da rede municipal de Caruaru, que acabou entrando de improviso no corredor do desfile de 7 de Setembro neste sábado, outas entidades de classe também já haviam agendado manifestações cívicas. O evento contou com um desfile do Sindicato dos Empregados do Comércio de Caruaru (SINDECC), do Movimento Luta de Classes e MST.

Desde o início da semana o SINDECC já havia comunicado a população que faria parte do evento. com a justificativa de “despertar o pensamento crítico da população”. O sindicato tem um histórico de defender diferentes causas trabalhistas no município. Acompanhando o sindicato, representantes do MST também participaram do evento carregando cartazes, entre eles, um que trazia “todo o apoio aos médicos cubanos”, em referência aos profissionais do país que estão sendo trazidos pelo programa do governo federal Mais Médicos.

Segundo o vice-prefeito Jorge Gomes (PSB), a manifestação das entidades é válida. “Acho que é de suma importância, pois é preciso lembrar que essa independência comemorada no feriado foi conquistada há séculos, no entanto também precisamos ter em mente que a verdadeira independência é uma busca permanente, seja em relação à economia, ou a melhores condições de trabalho”, comentou.

DSCN0470


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro