24 de abril de 2015 às 09h25min - Por Mário Flávio

NOTA DE REPÚDIO 

No último dia 17 de abril, Caruaru foi testemunha de mais um ataque à luta e organização dos trabalhadores municipais em educação. A recém empossada secretária de educação, Graça Rosalde forma extremamente autoritária proibiu a participação de representantes da ATEC em uma reunião convocada com dirigentes sindicais, apenas do SISMUC para tratar de assuntos relativos a uma pauta especifica sobre educação. A CONLUTAS repudia veemente essa postura autoritária da nova secretária.

 

Mas porque a ATEC não pode participar da reunião? Porque foi impedida de se apresentar à nova secretária? Porque o SISMUC não se solidarizou com os companheiros da ATEC? Importante lembrar que se trata apenas de mais uma secretária que toma posse da pasta de educação, mas que de fato tem os mesmos princípios de seus antecessores: destruir a educação municipal e atacar os professores. Esse é o projeto político de Zé Queiroz. O autoritarismo da prefeitura já não é mais novidade na cidade. Setores da imprensa, movimentos sociais população já experimentaram o remédio amargo do governo municipal.

 

Desde as lutas em defesa do PCC dos professores municipais em 2012 e 2013 e passando pela histórica greve em 2014, que colocou prefeito e vereadores na berlinda, ganhando apoio massivo da população, que teve repercussão nacional, que desmascarou a destruição do sistema municipal de educação; que todos os professores sabem que quem de fato os representa é a ATEC.Enquanto essas lutas eram travadas o SISMUC foi sempre um aliado leal da prefeitura. Em vários momentos ignorou a luta.

SISMUC faz muito tempo que perdeu a capacidade de organizar as lutas dos servidores municipais. Perdeu representatividade e hoje a sua política se sustenta na base da boa convivência com a prefeitura. 

 

A ATEC que hoje constrói a CONLUTAS no Estado é o principal pólo de oposição sindical ao prefeito José Queiroz em Caruaru. Hoje é a principal referência de luta na Região Agreste e Pernambuco. Se constitui assim, em oposição municipal, estadual e federal aos governos de plantão. Assim nosso repudio também se estende ao SISMUC, pois revela sua conivência junto a prefeitura na tentativa de calar os trabalhadores.

 

A ATEC junto com os professores municipais em caruaru, seguirão firmesconstruindo as lutas no chão das escolas. Porque os professores de Caruaru sabem que de fato os representa.

 

 

CONLUTAS – PE



Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro