27 de fevereiro de 2013 às 09h10min - Por Mário Flávio
Unidade da Funase em Caruaru, onde ocorreu a rebelião em 8 de fevereiro

Unidade da Funase em Caruaru, onde ocorreu a rebelião em 8 de fevereiro

A ex-coordenadora do Casem em Caruaru, Daniela Braga, assume hoje a direção da Funase na Capital do Agreste. Ela vai gerir uma unidade com problemas e que está superlotada com cerca de 150 internos, sendo que a capacidade é de 90 adolescentes. A nova gestora disse que o maior desafio ao tomar posse é promover uma maior humanização na unidade.

No contexto

COMDICA e Conselho Tutelar querem transferência de internos de outras comarcas para evitar rebeliões na Funase de Caruaru

Ela garantiu que está preparada para o desafio. “A expectativa é de contribuir para um processo socioeducativo de fato. Sabemos que o desafio é grande, mas o governador Eduardo Campos e o secretário Pedro Eurico estão empenhados em aperfeiçoar o que determina o Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo, que foi implantado pelo Governo Federal. O objetivo maior é humanizar ainda mais o serviço, já que a internação na Funase deveria ser a última instância dos adolescentes”, disse.

Sobre as reivindicações da pastoral do menor e de outras entidades na transferência de menores para outras unidades ela foi enfática. “Na realidade existe um grande esforço do governo de Pernambuco para construir novas unidades e a de Vitória de Santo Antão, por exemplo, vai ajudar a deixar unidades sem a superlotação, como é o caso de Caruaru. Mas é necessário entender que o problema maior não é a simples transferência dos internos, afinal eles são todos pernambucanos, mas qual o tratamento que eles estão recebendo para voltar com dignidade ao convívio da sociedade. Esperamos contar com o apoio da sociedade em geral, principalmente dos cristãos e de entidades que possam oferecer capacitação profissional aos jovens”, frisou.

Daniela Braga assume a direção no lugar de João de Deus. No lugar dela no Casem, toma posse a advogada Marilda Tabosa. A posse de Daniela será às 10h30 na Funase.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro