26 de setembro de 2013 às 11h55min - Por Mário Flávio

No agreste meridional, o Sindicato dos Empregados de Estabelecimentos Bancários de Garanhuns e Região (SEEB) apresentou nesta quarta (25) balanço em que contabilizou 13 agências do Banco do Brasil, 4 da Caixa, 1 do Banco do Nordeste, 4 do Santander, 4 do Bradesco e 1 do Itaú que se mantiveram de portas fechadas e inseridas no movimento paredista, em greve por prazo indeterminado.

Já são 27 agências que participam da greve e apenas 16 que ainda não aderiram. As cidades dessa base territorial em que as agências encontram-se paradas são: Garanhuns, Aguas Belas, Bom Conselho, Brejão, Canhotinho, Capoeiras, Correntes, Iati, Jurema,Lajedo, Palmeirina e São João.

O Sindicato informou que está visitando as agências e dando orientações àquelas que decidiram pela greve. Grevistas alegam péssimas condições de trabalho, assédio, metas abusivas, baixos salários, vem pra luta você também.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro