30 de setembro de 2013 às 17h35min - Por Mário Flávio

20130930-173522.jpg

No fim da tarde desta segunda-feira (30) os vereadores de oposição deram entrada no pedido de liminar para que a votação que fritou a CPI da CGU seja anulada. O mandado de segurança foi impetrado no fórum da cidade. Todos os vereadores de oposição estiveram presentes, a exceção foi o líder da bancada, Val (DEM), que viajou a negócios. Mesmo fazendo parte da bancada, Rozael do Divinópolis (PMN), não esteve presente. A expectativa do vereador Evandro Silva (PMDB), é que a decisão seja favorável.

“Estamos na expectativa positiva de que a justiça dê um parecer favorável, afinal a decisão do presidente da Câmara foi em desacordo com a Lei Orgânica e ele passou por cima de tudo e rasgou a constituição”, disse. Outro que esta esperançoso é o advogado Marcelo Cumarú. Segundo ele, a expectativa é de um resultado positivo.

“Entramos com um pedido contra a decisão do presidente de colocar em votação algo que não deveria ter sido votado. Estamos pedindo que o juiz acate a nossa liminar e permita a criação imediata da CPI e que ela inicie a investigação. Acredito que o nosso direito é bom, mas temos que aguardar a decisão do juiz”, disse. Além de Evandro Silva e Marcelo Cumarú estavam presentes os vereadores Jajá, Eduardo Cantarelli, Neto e Louro do Juá.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro