24 de abril de 2014 às 08h45min - Por Mário Flávio

20140424-084459.jpg

Com informações de Mery Marques

Em meio ao processo conturbado que passa a política da cidade, a Escola Superior do Ministério Público (ESMP) realiza entre os dias 29 e 30 de abril o I Seminário de Combate à Corrupção em Caruaru. O evento vai abordar temas como seletividade penal, improbidade administrativa no processo civil, nova lei de crime organizado e corrupção, clientelismo e coronelismo político, lei da ficha limpa, os efeitos nefastos da morosidade processual no combate à corrupção e lei de acesso à informação.

Na ocasião, haverá o lançamento do Fórum Social pela Honestidade. O evento vai contar com palestras de juristas, cientistas políticos, delegados e membros do judiciário. O juiz da Vara Criminal de Caruaru, Pierre Souto Maior, vai abordar o tema seletividade penal. Ele disse que já existem vários fóruns iguais em outras cidades, especialmente em capitais e em Caruaru, a iniciativa veio em bom momento. “O fórum se destina a conscientizar a sociedade da importância do combate a práticas corruptas, não somente pelas instituições Públicas, mas principalmente por cada cidadão em sua vida cotidiana e funcionará realizando simpósios, reuniões e também recebendo notícias de casos que mereçam investigação”, diz o magistrado.

A promotora do Patrimônio Público, Bianca Stella (foto), vai ministrar palestra sobre improbidade administrativa. Ela acredita que o seminário vai trazer oportunidade da sociedade civil e estudantes de direito participarem para ouvir as palestras e de uma forma geral colaborar com os órgãos de combate à corrupção. “Vai servir ainda como forma de conscientização da população acerca da importância da participação política na sociedade caruaruense, para que a gente tenha responsabilidade no voto, responsabilidade social nas nossas escolhas para que valorizemos a democracia, que afinal de contas é uma conquista da sociedade brasileira e de uma forma geral refletir vários acontecimentos na política de Caruaru, pra que a gente evolua, procurando aprimorar com os serviços públicos. Aprimorar a conscientização do coletivo, a importância de participar das decisões da nossa comunidade, enfim é um evento que vai interessar a todos e vai trazer reflexão para população, principalmente o poder jurídico”, disse a promotora.

A cientista política Perpétua Dantas também vai ministrar palestra no Fórum. Ela vai abordar as relações na política e como a situação é delicada atualmente. Segundo a professora, a corrupção é uma ferida aberta e o Brasil não é o único país que existe corrupção, mas é um problema gravíssimo e tem que ser discutido por todos e citou a realidade de Caruaru para a necessidade de um debate como esse. “Diante de fatos que têm acontecido não só aqui em Caruaru, mas em nosso Estado, em nosso país, seja na esfera do poder executivo ou legislativo a gente tem visto que o desvio de dinheiro público e crimes contra a administração pública têm se perpetuado e se tornado rotina nos noticiários e na vida da população. E essa representatividade dos políticos deveria significar a representatividade da população”, pontuou.

Os interessados devem se inscrever até essa quinta-feira (24) na secretaria da sede das Promotorias de Justiça de Caruaru. O seminário será realizado no salão do Júri do Fórum Juiz Demóstenes Batista Veras, localizado na av. José Florêncio Filho, s/n, Maurício de Nassau.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro