10 de abril de 2015 às 11h01min - Por Mário Flávio

Os eleitores dos municípios de Pedra Grande (RN) e Paulo de Faria (SP) vão às urnas, neste domingo (12), para escolher novos prefeitos. Os pleitos são necessários porque as eleições de 2012 para chefe do Executivo dessas cidades foram anuladas pela Justiça Eleitoral, tendo em vista que os candidatos que receberam mais de 50% dos votos válidos tiveram os seus diplomas cassados. Nas duas cidades a eleição acontece das 8h às 17h. 

Paulo de Faria
Em Paulo de Faria, os 6.629 eleitores do município voltarão às urnas depois que a eleição majoritária de outubro de 2012 foi anulada e os diplomas do prefeito reeleito, Herley Torres Rossi, e de sua vice, Maria Aparecida da Silva Barbosa, foram cassados pela Justiça Eleitoral, com base na Lei da Ficha Limpa (Lei Complementar nº 135/2010).

Há quatro candidatos na disputa deste domingo: Andrei Duarte Ribeiro Frigeri (Coligação Amor a Paulo de Faria – PPS / PSDB); Autamir Rodrigues de Assunção (Coligação Organizar para Crescer -PSL / PSB); Lourdes Ribeiro (DEM) e Mário de Felício Neto (Coligação Paulo de Faria Não Pode Parar -PDT / PMDB / PV / SD). 

 Somente os eleitores inscritos no município até 12 de novembro de 2014 poderão votar na eleição de domingo.

Pedra Grande
Os eleitores de Pedra Grande voltam às urnas porque o prefeito Marcos Luiz Pereira e a vice-prefeita Silvana Maria Garcia de Araújo tiveram os diplomas cassados por captação ilícita de sufrágio.

Na eleição deste domingo, os 3.938 eleitores aptos a votar vão escolher o novo prefeito entre os candidatos Valdemir Valentim Soares Belchior (PSB/ coligação “Unidos para Mudar”) e João Felipe Damião Vitor (SD/ coligação “Pelo bem de Pedra Grande”.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro