16 de abril de 2012 às 00h35min - Por Mário Flávio

Treze municípios do Agreste e do Sertão pernambucano festejam a chegada de um novo líder. Nesse sábado (14/04), o bispo Dom José Luiz Ferreira Salles assumiu a direção da diocese de Pesqueira em cerimônia com mais de 2.500 pessoas. Entre elas, o governador Eduardo Campos e a primeira-dama, Renata Campos. A missa solene aconteceu em frente à Catedral Diocesana de Santa Águeda, no centro da cidade.

Dom Luiz estava na Arquidiocese de Fortaleza, no Ceará, onde exercia a função de Bispo Auxiliar, e substitui Dom Francisco Biasin, que esteve à frente da Diocese de Pesqueira por oito anos. Biasin deixou a função em fevereiro deste ano. “Recebi minha nomeação com alegria. Claro que senti um temor, pois me sinto muito pequeno. Só posso assumir essa missão a partir do amor de Cristo”, relatou o novo bispo, em homíilia durante a missa.

Eduardo agradeceu a Dom Francisco pelo tempo em que esteve no comando da diocese, e disse estar em sintonia com a visão do novo bispo. “Estou com o coração mais feliz pelas suas palavras de que é preciso fazer a opção pelos que mais precisam. Que bom ter alguém com sua história entre nós. Tenho certeza de que o povo dessa região vai ajudá-lo a fazer um grande trabalho”, afirmou o governador, que hoje participa da festa da divina Misericórida, em Arcoverde.

Instituída em 2 de agosto de 1918 pelo Papa Bento XV, a Diocese de Pesqueira engloba outros 12 municípios: Brejo da Madre de Deus, Jataúba, Belo Jardim, Sanharó, Poção, Alagoinha, Venturosa, Pedra, Arcoverde, Buíque, Sertânia e Tupanatinga. A diocese deu origem ainda a outras três: Petrolina, Afogados da Ingazeira e Floresta, todas desmembradas do território de Pesqueira.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro