27 de agosto de 2013 às 19h40min - Por Mário Flávio

“O Brasil precisa de investimentos. Não vai ser só o consumo que vai manter o País crescendo e distribuindo renda. Tem que ter investimento em infraestrutura e logística”. A afirmação foi feita pelo governador Eduardo Campos, ao participar, como palestrante, do Santos Export 2013 – Fórum Internacional para Expansão do Porto de Santos, realizado nesta terça-feira (28/08) no Centro de Convenções da capital portuária do Estado de São Paulo.

“Na hora em que o Brasil está chamando os investidores nacionais e estrangeiros para colocarem recursos em ferrovias, rodovias e portos, é fundamental que a gente ouça quem já colocou recursos no passado, e possamos ouvir as suas experiências e sugestões. Dialogar sempre é importante”, disse o governador, que apresentou a palestra “O Brasil do Futuro: um olhar estratégico sobre o País no século XXI”.

O governador elogiou a iniciativa dos organizadores do evento e defendeu a aceleração do debate para que se encontre consensos sobre as grandes questões nacionais. “É fundamental ter capacidade de diálogo, de ouvir quem fez, quem enfrentou dificuldades para fazer, quem sobreviveu às crises, às idas e vindas da economia brasileira. Não se pode imaginar que a gente vai fazer as inovações necessárias na logística brasileira sem escutar aqueles que fizeram, e que inclusive, nos últimos anos, melhoraram a logística brasileira”, pontuou.

O governador comentou ainda que o Brasil só conseguiu ampliar seu comércio exterior nos últimos 10 anos porque, alem dos investimentos governamentais, os investidores colocaram em risco seu capital, fizeram investimentos e inovações importantes. “Muitas outras inovações precisam ser feitas, mas dentro de um espírito de diálogo respeitoso, de entendimento, de construção de consenso, que possa legar marcos regulatórios seguros, que animem os investimentos que vão animar a economia do País”, afirmou o governador.

Eduardo ressaltou a importância de mudar o atual contexto, no qual o ano de 2012 foi de baixo crescimento e as perspectivas de crescimento em 2013 têm se reduzido a cada bimestre. “Para preservarmos as conquistas dos últimos anos, a gente precisa que o Brasil volte a crescer de maneira mais acelerada. Esse crescimento passa por investimentos e por melhoria da nossa logística. Eventos como esse fórum nos ajudam a construir um entendimento, com base no diálogo, do que precisa ser corrigido. Mudou-se o marco com relação aos portos, mas estamos vendo que há coisas que também precisam mudar”, observou.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro