30 de dezembro de 2011 às 11h34min - Por Mário Flávio

Os contribuintes do IPVA de Pernambuco vão pagar o imposto referente ao exercício de 2012 com uma redução média de 4,8% em relação ao valor cobrado em 2011. A tabela para o próximo ano será publicada no Diário Oficial de amanhã (31/12). Os valores podem ser recolhidos em três parcelas ou em cota única, com desconto de 5%.
 
A medida, além de beneficiar diretamente os proprietários de automóveis do estado, serve também como estímulo à atividade econômica. “Somos o único governo da história de Pernambuco que não enviou nenhum projeto de lei à Assembleia Legislativa aumentando a carga tributária. Ao contrário, aproveitamos todas as oportunidades para reduzir impostos. E é isso que estamos fazendo agora com esta medida”, comentou o governador Eduardo Campos, logo depois de assinar o decreto que concede o benefício.
 
O primeiro vencimento será no dia 05 de março, para os carros com placas terminadas em 1, 2, 3 e 4 ou para quem fizer a opção do recolhimento em cota única. As demais datas são 09 de abril e 07 de maio. Já para as placas terminadas em 5, 6 e 7 as datas são 15 de março, 16 de abril e 15 de maio. Aquelas com finais 8 ,9 e 0 fazem o pagamento nos dias 26 de março, 25 de abril e 25 de maio.
 
Hoje, 2,1 milhões de veículos são cadastrados no DETRAN, destes 1,9 milhão são tributáveis pelo IPVA. A arrecadação em 2011 deve fechar com um crescimento de mais de 18% comparado com 2010, o que significa mais de R$ 500 milhões recolhidos aos cofres públicos neste ano, contra montante de R$ 422,5 milhões do ano passado. A alíquota é de 2,5% para carros, 2% para motos e 1% para ônibus e caminhões sobre o valor venal.

PARCELAMENTO – Além da redução no IPVA 2012, o Governo do Estado está oferecendo outra facilidade para os contribuintes em atraso com o imposto. A partir de 1º de janeiro de 2012, os proprietários de veículos poderão quitar o débito, de exercícios anteriores, em até 10 parcelas mensais e consecutivas, conforme previsto na Lei nº 14.503, de 07 de dezembro.  Antes, os valores pendentes só poderiam ser pagos em até três parcelas.

Pelo segundo ano consecutivo a taxa sore redução em Pernambuco


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro