30 de junho de 2012 às 13h46min - Por Mário Flávio

O governador Eduardo Campos chegou nesse momento na convenção da Frente Popular. Ao lado dele o prefeito Zé Queiroz, o vice Jorge Gomes, o deputado federal Wolney Queiroz e o senador Armando Monteiro Neto.

O primeiro a usar a palavra foi o deputado federal Wolney Queiroz, que usou a história para justificar a unidade e no discurso não citou o vice-governador João Lyra. “Esse palanque tem mais de 50 anos de história, uma frente que representa Anastácio Rodrigues, Fernando Lyra e João Lyra Filho. Chegou o momento do nosso exército ir para as ruas de Caruaru, como foi em 2008. Com o alinhamento da presidenta Dilma, dos senadores e do maior governador da história, vamos seguir com as conquistas. Vamos fazer uma campanha limpa e levar as nossas propostas”, disse.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro