4 de junho de 2012 às 09h00min - Por Mário Flávio

O vereador Edmilson do Salgado (PCdoB) segue chiando e muito por causa da festa do chocolate quente, realizada todos os anos no bairro mais populoso de Caruaru. O comunista reclama que durante a realização da festa, o nome e dele foi proibido de ser até citado pelos locutores do evento, que tinham como prioridade divulgar o nome de Fagner Fernandes.

O vereador disse não entender a situação. “Faço parte da base do governo e não entendo essa situação, é um absurdo uma festa do povo se tornar uma espécie de palanque político”, disse. Edmilson e Fagner não se entendem desde que ele assumiu a direção da Academia das Cidades.

A meta do comunista era indicar o dirigente, mas não aconteceu e após isso, os dois aliados seguem trocando farpas e brigando por espaço no Bairro do Salgado.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro