24 de março de 2012 às 08h30min - Por Mário Flávio

O diretor de Cultura da Fundação de Cultura e Turismo de Caruaru, Djair Vasconcelos esteve presente na coletiva de imprensa nesta sexta-feira (23), quando foi apresentada oficialmente a programação do projeto Parada Obrigatória 2012, durante o período da Semana Santa. Segundo ele, as festividades culturais que são desenvolvidas em Caruaru – e outras cidades brasileiras – seguem um modelo antiquado em que os eventos se encerram em si mesmo e não visam a continuidade de ações voltadas para estimular as manifestações culturais. Para ele, seria necessário um planejamento maior, com mais antecedência, a fim de que, quando um evento chegue ao fim, haja projetos que deixem um legado de incentivo cultural durante o ano inteiro. Para ele, isso é importante para manter qualquer projeto cultural vivo com o tempo.

Confira a opinião dele no áudio abaixo

 

 

 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro