23 de abril de 2012 às 18h05min - Por Mário Flávio

Na Mesa de Negociação entre os grevistas da Destra e representantes da prefeitura, nesta segunda-feira (23) à tarde, parece que o  clima foi de senso comum. Segundo os grevistas que representaram a categoria na reunião, a negociação transcorreu bem e foram debatidos novamente cada um dos 14 pontos de reivindicação dos servidores, reiniciando do zero a negociação. Com as propostas discutidas, o Sismuc vai elaborar um novo ofício com a decisão da categoria, que deve ser enviado à prefeitura amanhã (24) e respondido pelo Executivo provavelmente na quinta-feira (26).

Segundo um dos líderes da greve, Regivan Alencar, a negociação parece ter chegado a um denominador comum, inclusive ao que se refere ao reajuste salarial. “Faltava a prefeitura efetivar os pontos que nós já havíamos discutido antes, e além desses, nós reapresentamos a proposta reajuste inflacionário. Vamos elencar todas as propostas no ofício que será enviado à prefeitura, e na quinta-feira mesmo, quando o Executivo der a resposta, decidiremos em Assembleia se vamos acatar a resposta da prefeitura, mas pelo andar da negociação hoje, acredito que a greve deve estar perto de acabar”, explicou.

Segundo nota da assessoria de imprensa do Sismuc, o secretário de Administração e Gestão de Pessoas, Antônio Ademildo, se comprometeu em resolver todos os pontos tratados junto ao prefeito Zé Queiroz e responder a Mesa de Negociação até a próxima quinta. Na sexta-feira, o SISMUC REGIONAL vai realizar assembleia com os Servidores da Destra para apresentar as novas propostas do Chefe do Executivo.

A reunião da Mesa de Negociação foi realizada às 15h e contou com a presença do secretário Antônio Ademildo e com o presidente do Sicmuc, Eduardo Mendonça, acompanhado de uma comissão de grevistas. A greve dos servidores da Destra já dura mais de 40 dias.


 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro