11 de fevereiro de 2012 às 08h30min - Por Mário Flávio

Da Central de Jornalismo Liberdade

Representantes da União Nacional dos Estudantes (UNE), e da União Brasileira de Estudantes Secundaristas (UBES) em Caruaru, no Agreste pernambucano, comemoram a liminar judicial que obriga a Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra) que obriga a aceitar as carteirinhas confeccionadas pelas entidades para a compra de passe estudantil.

Antes da liminar, Destra dava prioridade somente ao documento confeccionado pela União dos Estudantes Secundaristas de Caruaru (UESC). Caso descumpra a decisão, a autarquia está sujeita a multa diária no valor de R$ 5 mil reais.

“Nós entramos com uma liminar e estamos com o mandato de segurança para que isto seja cumprido. A confecção da carteira da UBES é monitorada pela Casa da Moeda, que garante a autenticidade da mesma. A partir de hoje nós iremos visitar as escolas municipais, particulares e estaduais para que os alunos possam também ter o direito da escolha na emissão de suas carteiras ”, informou Lourinaldo Araújo, representante da UNE e UBES em Caruaru.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro