20 de abril de 2013 às 13h15min - Por Mário Flávio

20130420-130910.jpg

Foi realizada hoje a reunião da Comissão de Políticas Públicas para a Juventude, que teve como objetivo analisar as propostas para a nova formação do Parlamento Jovem (PJ). Estiveram presentes os vereadores Jajá (MD), Gilberto de Dora (PSB) e Demóstenes Veras (PSD). Este último não integra a Comissão, mas foi convidado a contribuir com o debate. Ao fim do encontro, os vereadores decidiram que as propostas sobre aspectos polêmicos como o quantitativo de jovens vereadores (atualmente são 15), a faixa etária para que participem do projeto, e ainda a atuação deles na Casa Jornalista José Carlos Florêncio. Precisam de uma maior discussão.

Segundo o Dr. Demóstenes o debate começa essa semana. “Na próxima quinta-feira vamos ouvir os 23 vereadores, apresentar as sugestões de propostas, depois ouvir os integrantes do Parlamento Jovem atual e duas frentes jovens, que também querem participar da discussão, após isso, iremos chegar a um consenso. Acredito que nos próximos dez dias essa situação será resolvida”, disse o líder do governo na Câmara.

A reunião durou pouco mais de uma hora. O intuito é possibilitar uma discussão sobre o projeto, antes que ele possa ser votado na Câmara de Vereadores. “As mudanças no Parlamento Jovem são importantes, e serão discutidas com todos”, reforça o vereador Jajá. Ele aproveita para destacar que “o papel do PJ é aproximar os jovens do Poder Executivo”, e que, enquanto presidente da Comissão, “busca a melhor proposta, não só para os que já participam, mas também para os futuros membros do parlamento.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro