30 de abril de 2014 às 10h20min - Por Mário Flávio

20140430-102143.jpg

A defesa do vereador Val de Cachoeira Seca (DEM) solicitou a ouvida do vereador Marcelo Gomes (PSB) na Comissão de Ética. O pedido tem como base o Código de Ética da Casa que determina a ouvida de ambas as partes e foi Marcelo quem fez a denúncia. Diante do pedido a Comissão suspendeu a reunião por dez minutos para deliberar sobre o assunto. O curioso foi que o vereador Heleno do Inocoop (PRTB), suplente da Comissão e que representa Rozael do Divinópolis (Pros) na reunião, não participou da conversa inicial, sendo depois chamado de volta.

Mesmo tendo assinado a denúncia, Gomes diz que foi a pedido do MPPE. Os advogados contestam a informação, como explica Marcílio Cumaru. “Se o vereador não fez a denúncia, então que ele aponte quem fez. O Código de Ética é claro e diz que as duas partes precisam ser ouvidas e fizemos o pedido baseado nisso”, pontuou.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro