19 de novembro de 2015 às 07h21min - Por Mário Flávio

IMG_5139.JPG

Do G1 Caruaru

O juiz Severiano de Lemos, da 1ª Vara Civil do município do Agreste do estado, bloqueou R$ 200 milhões da conta da Prefeitura de Gravatá e R$ 4 milhões da conta-corrente do prefeito afastado Bruno Martiniano e da esposa dele. A determinação foi tomada após ação civil pública.

Ao G1, o advogado Geraldo Junior, que representa Bruno Martiniano, disse que não comentaria o bloqueio porque, segundo ele, ainda não foi notificado. De acordo com a assessoria de imprensa do O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), a medida também determina o bloqueio dos carros e imóveis de Bruno Martiniano. A decisão do juiz seguiu para o MPPE. O MPPE deve entrar com processo de improbidade administrativa de Martiniano, conforme informou a assessoria do TJPE.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro