1 de setembro de 2017 às 09h34min - Por Mário Flávio

Do Blog do Ney Lima

Durante a reunião na Câmara de Vereadores, nessa quinta-feira (31), o vereador Augusto Maia (PTN) cobrou que o presidente da Casa, Zé Minhoca (PSDB), coloque em pauta, o mais breve possível, as contas do ex-prefeito José Augusto Maia, referentes ao ano de 2007 (o penúltimo ano do segundo mandato).

Segundo Augusto, filho do ex-prefeito, ao não colocar as contas para votação, a casa deixa de cumprir com sua função fundamental. O oposicionista afirma que falta apenas a vontade do presidente.

Ainda de acordo com Augusto, as contas foram enviadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), em agosto de 2016.

As contas de 2007 chegaram, pela primeira vez à Câmara, com recomendação para reprovação. A princípio foi levantado questionamentos em relação aos gastos com coleta de lixo, já que os números de Santa Cruz seriam significativamente maiores que em cidades com a mesma população.

A defesa do ex-prefeito recorreu ao tribunal e alegou que os números representariam o volume e fluxo de lixo com as feiras da cidade.

No retorno para Casa, o Tribunal reconsiderou e reenviou com recomendação para aprovação.

José Augusto Maia foi prefeito de Santa Cruz do Capibaribe entre os anos de 2001 e 2008.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro