22 de janeiro de 2014 às 15h49min - Por Mário Flávio

20140122-154856.jpg

Ao contrário do que todos esperavam a reunião na Câmara para debater o empréstimo do BRT com os vereadores não será aberta ao público. O fato gerou um clima de animosidade na frente da Casa, com várias pessoas se aglomerando e querendo participar da discussão. A assessoria de imprensa da Câmara informou que não foi divulgado em nenhum momento sobre a realização de Audiência Pública. No entanto a confusão de informações ficou evidente até mesmo na opinião dos próprios vereadores.

A novata Rosimery da Apodec disse que tinha entendido ser a reunião aberta ao público e não concordou com a decisão de fechar as portas ao público. “Entendi que era uma reunião aberta, a Casa é do povo e não faz sentido”, disse. O vereador Duda do Vassoural foi até o local e ficou sem entender a situação. “Por mim tanto faz o povo participar ou não. Se o projeto for bom, vamos votar a favor, se não for, vamos votar contra”, disse.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro