17 de julho de 2013 às 10h25min - Por Mário Flávio

O líder da oposição, vereador Val, não aceita a postura de ambos. A foto é de Antônio Valdevino

Durante a reunião relâmpago dessa terça (16) na Câmara de Caruaru, o líder da oposição, vereador Val (DEM), defendeu na tribuna a elaboração de uma comissão parlamentar para visitar alguns terrenos que serviriam para transferir a Feira da Sulanca, atualmente  no centro da cidade. A data dessas visitas deverá ser na quinta-feira, 18, já durante o recesso parlamentar. Pelo menos 13 vereadores já se inscreveram para participar da comitiva.

No contexto

Vereadores visitam Moda Center e defendem que Caruaru tenha projeto parecido para organizar Sulanca

“Após as visitas em Santa Cruz do Cabiparibe e Caruaru, nós decidimos que, para ajudar o Executivo a transferir o mais rápido possível a Feira, na quinta-feira visitaremos os terrenos para onde feira poderá ir, quando os sulanqueiros também poderão dar sua sugestão sobre qual o terreno mais adequado. Hoje a Sulanca só tem o nome, precisamos que volte ao que era, e que volte com espaço suficiente para estacionamento de ônibus e para compradores e vendedores. Atualmente,  caruaruenses e sulanqueiros estão indo buscar a sobrevivência em Toritama e Santa Cruz, porque a feira está perdendo seu potencial, as pessoas não vem mais comercializar em Caruaru, elas passam pela cidade apenas”, apontou Val. A estimativa é que cinco propriedades, pelo menos, sejam visitadas pelos vereadores, em áreas próximas ao Terminal Rodoviário, ao Polo Comercial, nos arredores do Bairro Luiz Gonzaga e na Vila Rafael.

Por outro lado, o vereador também explicou que a partir das visitas, será possível ter uma análise mais específica sobre especulações financeiras e interesses comerciais, para definir qual local seria mais vantajoso para fazer a transferência. “Primeiro, a vontade do prefeito, pois a feira está falida, não precisa nem de pesquisa. Não dá mais pra comparar com Toritama e Santa Cruz do Capibaribe. Já sobre a especulação financeira de terrenos, ou de interesses de empresários, vamos ficar sabendo após reconhecer onde esses terrenos são localizados. E daí em diante, a conversa será uma só: agilizar a transferência”, completou.

Já o vereador Gilberto de Dora (PSB), que encabeçou recentemente uma visita ao Moda Center Santa Cruz e à própria feira em Caruaru, reforçou que é preciso que os edis acompanhem de perto as possibilidades de transferência, para darem suporte às reivindicações dos feirantes.  “A parte que me cabia encerrou na visita às duas feiras, mas o vereador  Val faz uma solicitação importante, para conhecer essas possíveis áreas de transferência, para que conhecer os locais com base nas sugestões dos feirantes, até porque não se pode avaliar um terreno que não esteja de acordo com o posicionamento dos comerciantes sobre que área seria mais adequada”, explicou.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro