15 de fevereiro de 2014 às 09h07min - Por Mário Flávio

20140215-090635.jpg

A partir da Feira da Sulanca que será realizada nesta segunda (17), a prefeitura prepara mais uma novidade para comerciantes e compradores. É que será iniciada uma campanha educativa com o intuito de orientar esses compradores e motoristas a estacionarem os veículos em estacionamentos, e não no
entorno do Parque 18 de Maio.

Os agentes da Destra estarão desde o domingo, até o início da feira, na segunda, a partir das 6h, nas imediações do Parque 18 de Maio orientando esse público, no intuito de requalificá-los para pontos já existentes, de fácil acesso e com custo pequeno e segurança. Inicialmente, será apenas uma ação educativa, com orientações e explicações.

Segundo o diretor de Feiras e Mercados, Jorge Quintino, é prática comum dos motoristas que trazem compradores de outras cidades e estados estacionarem seu veículo nas ruas do Parque, o que vai ser proibido a partir dessa semana. “É justamente isso que não queremos que aconteça mais, uma vez que a relocação trará mais conforto para quem estiver vendendo, comprando e para os próprios motoristas que terão um lugar apropriado para deixar o seu veículo”.

Como o foco são os veículos de médio e grande porte, quatro estacionamentos que possuem estrutura física foram credenciados para receber esses carros, serão eles: Algaroba; Viúva; antiga Fundac; e o da Escola Professor Machadinho. O custo fica em torno de R$ 15 a R$ 20, que será revertido em uma refeição (café da manhã ou almoço) para esse motorista.

“O nosso objetivo com esse projeto é diminuir o desconforto dos compradores e populares dos bairros próximos à feira. Também visamos aumentar a segurança dos compradores, uma vez que ele não precisará se deslocar por longas distâncias com mercadorias e dinheiro, existindo um ponto fixo de
encontro. Outro aspecto fundamental é a própria segurança no trânsito, já
que competir com carros e motocicletas pode acarretar em acidentes graves”, explicou o diretor de Feiras e Mercados, Jorge Quintino.

A iniciativa também faz parte do projeto de ordenamento da feira e de
mobilidade urbana. “Vamos instalar placas que orientam sobre essa mudança e conversar com os
feirantes, compradores e motoristas. O planejamento da Secretaria de Gestão e Serviços Públicos, por meio da diretoria de Feiras e Mercados é que em breve todos os motoristas que possuem carros de médio e grande porte faça o uso desses estacionamentos.Após a fase educativa, quem desrespeitar a orientação poderá sofrer penalidades.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro