6 de dezembro de 2012 às 05h25min - Por Mário Flávio

Do MPPE

A Capital do Agreste recebe nesta quinta (06) o I Festival Caruaru Contra o Crack: Craque só se for de Futebol que marca uma nova fase do Comitê de Prevenção e Combate ao Crack de Caruaru, instalado no município em setembro. A ideia do festival é passar para a sociedade a dimensão do trabalho que está sendo desenvolvido no município em relação ao combate ao crack. No evento, a ser realizado na antiga Estação Ferroviária, haverá apresentações culturais e artísticas que poderão ser vistas a partir das 16h e, além disso, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) estará com stand institucional e promoverá uma caminhada, com concentração às 14h, no estádio do Central, situado na avenida Agamenon Magalhães.

O objetivo do evento, de acordo com o promotor de Justiça Paulo Augusto, é “apresentar as ações que já vem sendo desenvolvidas em todas as esferas do poder público para a sociedade e visa sensibilizar a comunidade para também interagir nesse movimento de prevenção e de combate às drogas”. Entre as ações, Paulo Augusto lembra das atividades realizadas pelos policiais que capacitam alunos e professores para evitar conflitos nas escolas e também dos trabalhos com música, teatro e esportes, todos eles desenvolvidos nas instituições de ensino e na comunidade para atrair a criança e o jovem e evitar que eles se aproximem das drogas. O representante do MPPE espera que promotores e servidores da Instituição participem da mobilização.

Além da passeata, que vai contar com a participação de escolas municipais, estaduais e da própria sociedade, a Estação Ferroviária será palco de apresentações de grupos de percussão, da Orquestra Popular e da Orquestra de Violino de Caruaru, de fanfarra, de equipes de danças e bandas musicais, bem como grupos de teatro. Já os stands serão de entidades que compõem o Comitê de Prevenção e Combate, dentre eles o MPPE que estará distribuindo materiais educacionais sobre o crack, do perímetro de segurança escolar, e também sobre enfrentamento do racismo, corrupção, bullyng e futebol e cidadania.

Como forma de mobilizar a população e chamar atenção para a causa, está sendo realizado na página do facebook do Caruaru Contra o Crack um concurso cultural, em que os autores das três frases mais curtidas, as quais envolvem a temática do enfrentamento ao crack, vão ser premiadas. O primeiro lugar recebe um tablet e os outros dois concorrentes, uma bicicleta cada.

Caruaru, é um dos polos de ação do MPPE desde junho, quando houve o lançamento da campanha Pernambuco Contra o Crack no local, conta com o trabalho do Comitê que tem a finalidade de ampliar e induzir novas ações em relação ao combate do uso da droga na cidade.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro