27 de março de 2014 às 11h09min - Por Mário Flávio

20140327-110904.jpg

O procurador da Câmara de Caruaru, Zé Américo, conversou hoje pela manhã com a imprensa sobre o novo prazo dado aos vereadores indiciados pela Operação Ponto Final. No entendimento dele a Casa não vai ter que notificar novamente os parlamentares.

“O prazo foi devolvido para que eles possam ter direito as ações que julgarem necessárias a ampla defesa. Gostaria de dizer que todos os documentos citados estão disponíveis desde o primeiro dia que a Comissão de Ética foi instalada. O volume de páginas é grande, são 40 mil páginas, que podem ser avessadas pelos vereadores ou advogados, seja fisicamente ou da maneira digital, isso foi uma preocupação dos membros da Comissão de Ética. As notificações foram regulares, mas houve um pedido do vereador Neto e na última terça-feira a procuradoria entendeu que deveria ser estendido aos demais, que se encaixam na mesma situação”, disse.

Ainda de acordo com o procurador o novo prazo passa a valer a partir do momento em que o vereador é citado por esse novo despacho que a Comissão emitiu. Ou seja, uma nova notificação. >


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro