7 de janeiro de 2021 às 14h06min - Por Mário Flávio

O Instituto Butantan pediu, nesta quinta-feira (7), à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) a autorização para uso emergencial da vacina Coronavac contra a covid-19.

O prazo para a resposta da Anvisa é de até dez dias. Por se tratar de uso emergencial, é necessária uma autorização da agência regulatória.

Como se trata de uso emergencial, apenas públicos definidos e a rede pública de saúde poderão ser beneficiados pelo imunizante.

Também nesta quinta-feira (7), o Governo de São Paulo divulgou que a Coronavac, vacina contra a covid-19 desenvolvida pela farmacêutica Sinovac em parceria com o instituto Butantan, tem 78% de eficácia.

O governo de São Paulo também informou que o imunizante apresentou 100% de eficácia na prevenção de casos graves da doença.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro