18 de dezembro de 2011 às 08h40min - Por Mário Flávio

O deputado federal Bruno Araújo discursou no Congresso da Juventude do PSDB, que aconteceu esse fim de semana em Goiânia. Araújo tem relação direta com o tema do encontro – aos 39 anos, ele será um dos líderes mais jovens da Câmara dos Deputados. O parlamentar declarou que o PSDB tem em suas propostas o principal triunfo para exercer a oposição no Brasil. “Não somos maiores, mas somos melhores”, afirmou, destacando que cabe aos jovens propagar a trajetória do partido. Bruno Araújo tem forte ligação com o vereador Diogo Cantarelli, que esteve no encontro.

Na ocasião, foi assinada a Carta de Goiania, que apresenta propostas para os jovens brasileiros. O texto da carta defende que a corrupção seja um crime hediondo para que os corruptos sejam julgados com mais agilidade e rigor. Outra reivindicação listada no documento é o fim do serviço militar obrigatório e a redução da maioridade penal de 18 para 16 anos.

A carta também prevê a realização de prévias, dentro do partido, para a definição de candidaturas majoritárias. Este é um dos principais temas do encontro, do qual os dois potenciais pré-candidatos tucanos à Presidência – José Serra (SP) e Aécio Neves (MG) – participaram.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro