29 de junho de 2018 às 08h55min - Por Mário Flávio

O deputado federal e presidente do PSDB em Pernambuco, Bruno Araújo, em participação ao programa Cidade em Foco, falou sobre a delicada situação de Santa Cruz do Capibaribe, já que o seu principal aliado na cidade, prefeito Edson Vieira, pode não apoiar a candidatura de Armando Monteiro ao governo.

O parlamentar comentou o cenário eleitoral em Santa Cruz do Capibaribe, já que Armando Monteiro espera contar com o apoio de dois grupos políticos historicamente adversários na cidade, comandados pelo prefeito Edson Vieira (PSDB) e o ex-prefeito José Augusto Maia (Avante). “Armando já deixou claro que o projeto de ser governador é um projeto suprapartidário, ninguém precisa duvidar da relação que Edson tem comigo e com Mendonça Filho estando dentro de um governo de Armando Monteiro, com o tamanho do espaço político que esse grupo tem, sobretudo pelo tamanho da força política do PSDB e do Democratas”, defendeu.

Bruno ressaltou porém que respeitará a posição que o prefeito Edson Vieira tomar.”Edson vai tomar com o grupo uma decisão madura, uma decisão que eu respeito, não é uma decisão fácil (…). Edson tem dificuldades locais que podem ou não serem superadas, em um momento que dois de seus maiores aliados estão dentro desta composição. O importante é que tenho dito a Edson, que eu respeito a nossa amizade e a liderança dele, e qualquer que seja a decisão dele, ele vai contar comigo”.

O deputado ainda destacou na oportunidade seu entusiamo com a pré-candidatura a deputada estadual de Alessandra Vieira (PSDB). “Eu conto com Edson para eleger Alessandra Vieira deputada estadual, fazer a nossa eleição de deputado federal e estamos construindo um diálogo, que permita a possibilidade de ele vir e votar em Armando Monteiro. Se vier a acontecer, vai ser muito bem vindo, vai fazer parte de um projeto vitorioso, e ele e Santa Cruz vão está protegidos por nós dentro do governo”, disse.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro