27 de outubro de 2012 às 10h31min - Por Mário Flávio

Adielson explicou que foi assaltado e espancado quando voltava da cobertura de uma reportagem – Crédito: Blog do Adielson Galvão

Editor de um blog policial na região, o repórter Adielson Galvão foi vitima de violência durante a madrugada da sexta-feira, dia 26, quando foi registrado o apagão no Nordeste. Ele explicou em uma postagem do blog dele que voltava da cobertura de uma notícia que havia feito quando foi abordado por quatro ladrões. Ele estava de moto e os assaltantes teriam parado na frente dele, forçando-o a parar. Ele ainda diz que atropelou um dos assaltantes, mas que acabou caindo da moto e sendo espancado pelo grupo. Ele teve a moto, capacete, telefones celulares e dinheiro levados a pelo grupo.

“Amigos leitores, eu fui vítima da violência urbana na madrugada desta sexta-feira (26), em Caruaru. Era por volta de 00:40h, durante o apagão, eu estava voltando pra casa, após cobrir uma ocorrência de homicídio, quando passava pelas Queimadinhas, na via de acesso de Gonçalves Ferreira, fui surpreendido com quatro marginais na estrada, um deles ao perceber a minha aproximação com a minha moto, foi para a minha frente para forçar a minha parada e num ato de impulso eu acelerei a motocicleta e o atropelei, após o choque eu acabei caindo da moto e os demais bandidos me espancaram a socos e pontapés, eu desmaiei e quando acordei, estava com a clavícula direita quebrada e todo ralado devido a queda e aos espancamentos. Os bandidos levaram a minha moto que foi abandonada algumas horas depois no bairro Rendeiras, levaram ainda os dois telefones celulares, mais de 300 reais, o capacete e todos os meus documentos pessoais, além dos cartões de crédito”, explicou Adielson na nota.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro