14 de novembro de 2012 às 14h55min - Por Mário Flávio

Esta semana a TV Asa Branca mostrou uma reportagem sobre a insatisfação dos artesãos do Centro de Produção de Bezerros que reclamam da interrupção do fornecimento de energia do local foi interrompido. A falta de energia já está atrasando a produção de peças a serem vendidas no fim do ano. A prefeitura da cidade e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco não assumiram a responsabilidade pelo prédio. Já a Celpe mandou uma equipe técnica ao local para verificar o que de fato está acontecendo.

No entanto, a Secretaria de Imprensa do Governo de Pernambuco reforçou, em nota, que o governo estadual não tem responsabilidade sobre o prédio onde funciona o Centro e que, na verdade, a Agência Nacional de de Desenvolvimento de Pernambuco (AD-DIPER) não fazia ideia da existência do Centro. “O Governo de Pernambuco não tem responsabilidade nem nunca foi procurado pelos artesãos que ocupam o prédio onde funcionou a Companhia da Polícia Militar de Bezerros. Há vários anos a PM desocupou o Prédio, passando a funcionar no Núcleo de Segurança Integrado de Bezerros. A AD-DIPER, Agência de Desenvolvimento de Pernambuco, responsável pelo programa de artesanato do estado, desconhece a existência deste centro de artesãos. Em Bezerros, inclusive, funciona o maior centro de artesanato de todo o interior de Pernambuco. Os artesãos devem procurar a AD-DIPER”, cita a nota.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro