11 de janeiro de 2017 às 21h30min - Por Mário Flávio

O Sindicato dos Bancários de Pernambuco e a Central Única dos Trabalhadores em Pernambuco (CUT-PE) realizam nesta quinta-feira (12), um ato em defesa das Empresas Públicas. A atividade será realizada em frente à agência Conde da Boa Vista da Caixa, no Recife. Na ocasião, será celebrado, com muito debate, os 156 anos da Caixa, único banco 100% público do país.

A mobilização integra a campanha “Se é público, é para todos”, retomada neste ano em virtude das medidas de desmonte das empresas públicas que vem sendo adotadas pelo governo ilegítimo do presidente Michel Temer, segundo o Sindicato. Após o Banco do Brasil iniciar um novo processo de reestruturação, com o fechamento de 402 agências no país e corte de mais de 9 mil funcionários, a Caixa também prepara um conjunto de medidas para cortar despesas.

O Programa de Demissão Voluntária (PDV) que será lançado pela Caixa resultará no corte de cerca de 10 mil empregados e, consequentemente, haverá precarização dos serviços. A estatal também prevê fechar 100 agências em todo o país.
A presidência do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) também planeja uma reestruturação. Se concretizada, na opinião dos sindicalistas, desmontará o maior banco regional de microcrédito da América do Sul, com impactos nefastos no enfrentamento da pobreza na região.
Para a presidenta do Sindicato, Suzineide Rodrigues, a sociedade precisa estar mobilizada em defesa da empresa pública. “Os bancos públicos têm uma função social e pertecem ao povo brasileiro. Por isso, queremos garantir sua função social e sua autonomia econômica ante o mercado”, afirma.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro