24 de abril de 2015 às 08h48min - Por Mário Flávio

  
Estava marcada para às 9h de hoje uma Audiência no Ministério Público para debater a possibilidade de assinar um Termo de Ajustamento de Contura sobre questões ambientais no que diz respeito ao terreno onde deve ser instalada a nova Feira da Sulanca. Em entrevista à repórter Ana Rebeca Passos, a promotora Gilka Miranda, explicou os motivos do cancelamento.

“Uma das pessoas que iria comparecer à audiência enviou um ofício comunicando que iria ter outra audiência na justiça no mesmo horário como testemunha e não haveria condições da mesma ser realizada”, disse. Ela informou que ainda hoje uma nova data será marcada para que a audiência seja realizada. 


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro