30 de agosto de 2017 às 13h11min - Por Mário Flávio

Na quinta-feira (31), o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) realizará audiência pública em Itacuruba, às 9h30 horas, no Auditório da Secretaria de Educação, localizado na Av. Patriarca anibal Alves Cantarelli, Centro e no município Belém de São Francisco, às 13 horas, na Câmara Municipal dos Vereadores, localizado na Av Coronel Caribé, Centro. 

O evento conta com a presença do juiz da 73ª Zona Eleitoral de Belém de São Francisco, Bruno Jader Silva Silva Campos, e também com o chefe de cartório Almira Alice Santos De Carvalho.
A audiência pública tem o objetivo de divulgar e tirar dúvidas da comunidade em geral sobre o recadastramento biométrico. Representando o TRE-PE, participam o presidente da Comissão de Biometria, Eduardo Lucas, corregedor, desembargador, José Henrique Dias, na companhia do Assessor Orson Lemos . “Sempre gosto de lembrar que o apoio das autoridades e gestores públicos é essencial para que as metas estabelecidas sejam alcançadas”, destaca o presidente do TRE-PE, desembargador Luiz Carlos Barros Figueiredo.

Em Itacuruba existem 4.525 mil eleitores, desses 3.075 mil já realizaram a biometria, ou seja, estão cadastrados 67,79% do eleitorado. Já o município de Belém de São Francisco tem 15.439 mil eleitores, só compareceram 8.116 mil para fazer o recadastramento, ou seja, 52,51% do eleitorado. O recadastramento biométrico é feito de forma gratuita. O eleitor que não fizer a biometria poderá sofrer restrições no CPF, perder benefícios de programas sociais como o Bolsa Família, deixar de obter matrículas em instituições de ensino, ser impedido de tomar posse em cargo público, deixar de obter ou renovar passaportes, entre outros impedimentos.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro