2 de setembro de 2018 às 19h32min - Por Mário Flávio

O candidato ao governo pela coligação Pernambuco Vai Mudar durante ato que precedeu uma carreata em Caruaru, no Agreste, voltou a subir o tom contra o governador Paulo Câmara. Dessa vez, o alvo das críticas foi a reabertura do Hospital São Sebastião, que segundo Armando, não foi aberto na totalidade. “O governo da mentira e da mistificação não conclui e inaugura obras sem que estejam prontas. Mas o povo não é bobo e sabe que são ações meramente eleitoreiras”, disparou o candidato a governador Armando Monteiro (PTB), em discurso na inauguração do comitê dos deputados e candidatos à reeleição Priscila Krause (estadual), do DEM, e Daniel Coelho (federal), do PPS. Também marcaram presença a prefeita Raquel Lyra e o ex-governador João Lyra, ambos do PSDB.

“Bastou que nós viéssemos aqui verificar de perto que eles arrumaram uma enganação”, disse Armando. O candidato se referiu ao Hospital São Sebastião, fechado há anos, visitado pelo candidato no primeiro dia de campanha oficial, 16 de agosto. No último dia 31, o governo do Estado “inaugurou” a unidade. “Não podemos permitir que o governador diga que inaugurou. O hospital continua fechado, sem estrutura”, reforçou João Lyra, que também foi complementado pela prefeita. “Só 20 dos 80 leitos prometidos estão lá. O esgoto corre a céu aberto, não tem ar-condicionado, muito menos ventilador”, acrescentou Raquel.

Armando, João Lyra e Raquel também lembraram o Hospital da Mulher, prometido para Caruaru e, como tantas outras obras, não foi concluído. “Iniciamos a obra em nosso governo e era para estar pronto em 2015. Até agora nada”, disparou o ex-governador.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro