6 de agosto de 2012 às 19h11min - Por Mário Flávio

A comemoração pela liberação do ex-presidente Lula (PT) para ele participar da campanha deixou os petistas eufóricos. O petista goza de amplo prestigio no Nordeste e é considerado um mito da política brasileira.

No entanto, a presença de Lula nos palanques Brasil à fora não está garantida. Ele foi liberado para participar, pelo menos por enquanto, da campanha do ex-ministro Fernando Haddad, que disputa a prefeitura de São Paulo e tem candidatos em potencial, como é o caso de Celso Russomanno e José Serra.

A vinda de Lula é aguardada com ansiedade no Recife, onde o PT trava um duelo complicado com o PSB, de Eduardo Campos (PSB). O candidato Geraldo Júlio subiu em um mês de 4% para 12% e a situação já preocupa aos petistas, que apostam em Lula para minimizar o poder de fogo de Eduardo na Capital.

Em Caruaru, o ex-presidente deve gravar uma mensagem de apoio ao candidato Zé Queiroz (PDT). A gravação deve acontecer em agosto, mas os aliados de Lula comemoraram a recuperação do petista, independente dele vir a cidade. Pelo twitter, o deputado federal Wolney Queiroz (PDT), fez questão de frisar a importância da liberação do petista. “@WolneyQueirozM: A boa noticia da semana: O presidente Lula foi liberado pelos médicos para fazer campanha. Significa…”, postou.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro