25 de setembro de 2013 às 17h25min - Por Mário Flávio

20130925-170346.jpg

Em sessão ordinária realizada na noite de ontem (24), o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) julgou os recursos interpostos pela defesa da ex-prefeita de Agrestina, Carmen Miriam (PT), afastando a sua inelegibilidade imposta pela Justiça Eleitoral no mês de junho deste ano.

As ações de investigação judicial eleitoral apresentadas pela coligação “União Por Agrestina”, encabeçadas pelo prefeito Thiago Nunes (PSD), cassado no final de agosto passado, acusavam a ex-gestora pela realização de propaganda eleitoral e institucional em períodos vedados pela justiça.

Contudo, o colegiado do TRE julgou, por unanimidade, a extinção de um dos processos com resolução no mérito e parcial provimento em outro afastando então a inelegibilidade.

Os desembargadores Marcelo Navarro Ribeiro Dantas e Frederico José Matos de Carvalho foram os relatores dos processos em pauta.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro