29 de novembro de 2013 às 16h25min - Por Mário Flávio

O Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil de Caruaru (Sintracon) realizou na noite desta quinta-feira (28) assembleia da categoria, que decidiu deflagrar greve por tempo indeterminado. Os trabalhadores não aceitaram a proposta da classe patronal, que ofereceu apenas 8,8% de reajuste e não acatou nenhuma outra solicitação da classe, como o café da manhã regional. A paralisação começa na próxima terça-feira, dia 03.

Em carta enviada pela diretoria do sindicato, explica-se que as insatisfações da categoria acumulavam-se há bastante tempo.  “A indignação tomou conta de cada trabalhador quando Zé Henrique, presidente  do Sindicato começou a falar que há mais de um ano não recebemos nenhum centavo de aumento de salário e a nossa data-base já passou faz tempo, já tivemos 3 rodadas de negociação e os patrões  da construção querem nos humilhar insinuando que somos profissionais inferiores aos da construção  das demais cidades do estado e insistem em querer pagar um salario menor do que os salários pagos em Recife, Santa Cruz, Petrolina e Garanhuns. Isso é um verdadeiro abuso”, explica a nota.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro