24 de janeiro de 2012 às 11h01min - Por Mário Flávio

O blog publicou notícia ontem com a informação que a secretária Especial da Mulher, Elba Ravane, não teria sido convidada para o debate sobre a criação do setorial feminista do PT em Caruaru. A tendência Democracia Socialista explicou a ausência do convite.

Caro Amigo e Articulista Mário Flávio e Caríssimos e Caríssimas leitoras do seu Blog

Após leitura da nota sobre a criação do setorial feminista do PT/Caruaru, cumpre-nos o dever de esclarecer o seguinte:

1. Em que pese o respeito e a admiração dos integrante da Democracia Socialista (DS) – Corrente Interna do PT, pela valorosa companheira Elba Ravane, restou claro em seu artigo que a reunião realizada no sábado próximo passado foi uma reunião da DS e não do Partido dos Trabalhadores – PT, pelo que caberia a participação exclusiva de nossas militantes.

2. O PT desde sua origem reconhece e respeita o Direito de Organização em tendências internas, as quais estão subordinadas ao estatuto e deliberações do partido, mas têm vida orgânica independente entre si.

3. De fato seria estranho se em uma reunião interna de uma corrente interna, fossem convidados integrantes de outras tendências, podendo ser interpretado erroneamente como tentativa de cooptação para que os possíveis convidados viessem a cerrar fileiras juntamente com os militantes de nossa tendência.

4. Já faz alguns dias que a coordenação municipal da DS busca viabilizar a reunião com companheiras e companheiros do MAIS e das demais tendências organizadas aqui em Caruaru, para buscarmos viabilizar a retomada dos trabalhos partidários neste ano de 2012, principalmente pela importância de um ano eleitoral como este.

5. O PT de Caruaru sempre tratou e trata a política com seriedade e por este motivo não podemos nos permitir que entendimentos diversos da realidade, sejam utilizados para tentar fragilizar a união partidária.

6. Ao final, resta claro que todas as tendências internas se organizam e se reúnem de forma habitual, sem que se faça necessário o convite para membros de outras tendências, buscando desta forma o crescimento de cada uma delas como meio e o fortalecimento e crescimento do PT como fim. Entendendo estar esclarecido o não convite de nenhuma companheira de outras tendências do PT, para reunião interna das companheiras da DS-Caruaru, registramos o respeito a este conceituado articulista, parabenizando-o pelo espaço e nos disponibilizando para qualquer esclarecimento que se faça necessário.

Atenciosamente

Antônio Carvalho – Membro da Coordenação Municipal da DS/Caruaru.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro