26 de junho de 2013 às 18h24min - Por Mário Flávio
Projeto recebeu emenda de Sarney, para considerar homicídio simples hediondo também - Crédito: Luciano Monteiro/ Agência Senado

Projeto recebeu emenda de Sarney, para considerar homicídio simples hediondo também – Crédito: Arthur Monteiro/ Agência Senado

Depois de mais de duas horas de discussão, o Plenário do Senado aprovou, em votação simbólica, o projeto que inclui a corrupção ativa e passiva no rol de crimes hediondos. De autoria do senador Pedro Taques (PDT), a proposta faz parte da agenda legislativa elaborada para atender o que os senadores chamaram de “clamor das ruas”, em referência às manifestações realizadas no país desde o início de junho.

PLS 204/2011 foi relatado em Plenário pelo senador Alvaro Dias (PSDB-PR), que fez algumas mudanças no texto. Ele acatou, por exemplo, emenda do senador José Sarney (PMDB) para também tornar o homicídio simples crime hediondo. A matéria segue agora para análise na Câmara dos Deputados.

ASCOM Senado


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro