4 de maio de 2018 às 09h39min - Por Mário Flávio

Nem estava tão cheia a Câmara, mas apenas a manifestação em redes sociais foi suficiente para que a prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, mandasse retirar da urgência o Projeto de Lei Nº 7751/2018, que tem o objetivo de criar o Conselho Municipal de políticas para a população de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais, Transgêneros e Intersexuais.

A ideia era que o Conselho tivesse a finalidade de manter um maior diálogo com os interesses da população na defesa dos direitos LGBTI. A pressão deu certo e o projeto nem sequer foi lido e não existe previsão se o mesmo será votado nas próximas sessões. Para ser retirado, provavelmente o mesmo seria reprovado.


Comentários



...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro