20 de fevereiro de 2014 às 07h25min - Por Mário Flávio

20140220-001111.jpg

Após realizar a segunda reunião desde que assumiu à presidência do diretório do PT em Caruaru, Adilson Lira, segue com boas perspectivas para o futuro da sigla na cidade. Ele segue com o discurso adotado pelo prefeito Zé Queiroz (PDT) quando tomou posse, sobre a criação de uma nova cultura política na cidade e comemora a intensa participação dos filiados nos encontros realizados para debater a atuação do partido na cidade.

“A reunião do novo Diretório Municipal do PT que realizamos é a maior prova que de fato já estamos vivendo ‘Uma Nova Cultura Política para o PT em Caruaru’, afinal, depois de muito tempo o PT consegue fazer duas reuniões consecutivas com folga de quórum. Tivemos nessa reunião 80% do diretório presente. Foi um evento muito produtivo que contou com 33 militantes, entre dirigentes e convidados. A avaliação de conjuntura ficou a cargo do companheiro Renato Carvalho, integrante do novo Diretório Municipal e Secretário Agrário Estadual do PT. Também esteve conosco o Deputado Federal Fernando Ferro, que contribuiu com uma análise do atual cenário eleitoral e das nossas possibilidades”, disse.

Na desta segunda-feira passada os petistas se reuniram mais uma vez com representantes das várias tendências do partido em Caruaru, com o intitulado de sistematizar todas as proposta apresentadas e aprovadas pelo Diretório e em seguida encaminhar pra Executiva Municipal, para que sejam colocadas em prática. Lira explicou que espera no futuro por uma maior contribuição dos filiados lotados nas três secretarias comandadas por petistas, a meta é atualizar a contribuição partidária.

“Para a próxima reunião do diretório, estamos convocando as companheiras que estão à frente das três secretarias que o partido ocupa na gestão municipal (secretaria de saúde; secretaria de participação social e secretaria especial da mulher), além do diretor de cultura. Será feito um balanço dos trabalhos efetuados à frente dessas pastas. Também estaremos encaminhando ofício às secretarias e ao diretor de cultura, solicitando que nos forneçam a relação dos filiados e filiadas do partido que estão servindo à gestão nas aludidas pastas, para que o partido os oriente quanto à obrigatoriedade das contribuições partidárias e estatutárias”, expôs.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro