2 de agosto de 2012 às 15h14min - Por Mário Flávio

O presidente da Câmara, Lícius Cavalvanti (PCdoB), criticou o anúncio do Orçamento Participativo por parte da prefeitura de Caruaru. De acordo com o comunista o OP não era para ter sido lançado nas vésperas da campanha eleitoral. Ele disse que a Câmara vai tentar, de alguma maneira, orientar ao Executivo, para que a questão seja revista.

“O Orçamento Participativo é um mecanismo sério e vital para o desenvolvimento de uma sociedade moderna, para tornar uma gestão eficiente. É uma ferramenta indispensável à participação social na gestão pública e identifica e elege as prioridades da comunidade junto ao poder público. O lançamento agora e da forma que aconteceu é inadequado e pode ser confundido com questões eleitoreiras”, disparou.

O comunista lembrou ainda que uma série de ações devem ser feitas para a implantação do OP e que o mesmo não acredita que até o fim do ano, quando o orçamento de 2013 será votado, não dê tempo para que todos os tramites sejam realizados.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro