28 de outubro de 2013 às 08h55min - Por Mário Flávio

20131028-004948.jpg

Do Portal Leia Já

Com tantos nomes sendo cogitados para disputar o governo de Pernambuco em 2014, o medo que alguns não administrem bem o estado ainda rodeia a população. De acordo com o levantamento do Instituto de Pesquisa Maurício de Nassau (IPMN), divulgado neste domingo (27), dos políticos apresentados em quatro cenários, João Paulo é quem os pernambucanos mais teriam medo que chefiasse o executivo estadual, 10%.

O petista é seguido pelo vice-governador João Lyra Neto (PSB) e o secretário da Casa Civil Tadeu Alencar (PBS), ambos com 7%. Dos pernambucanos, 6% teriam medo de uma gestão do senador Armando Monteiro (PTB); 5% responderam o nome do deputado estadual, Daniel Coelho (PSDB) e 4% optou pelo ex-ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho (FBC-PSB). No entanto, o maior percentual registrado (32%) entre as opções oferecidas pelo IPMN foi “nenhum destes”.

Já o mais confiável para chefiar o executivo estadual, de acordo com dados do IPMN, é Armando Monteiro, 22% da população afirmou confiar no petebista. João Paulo seria o segundo com 10%, seguido por FBC que obteve 9%, e Daniel apontado como confiável por 7% dos entrevistados. João Lyra ocupa o penúltimo lugar com 3% da confiança e Tadeu Alencar aparece em último com 1%.

Os mais admirados
O político mais admirado pelos pernambucanos, entre os possíveis pré-candidatos ao governo, é o senador Armando Monteiro (PTB). O percentual de ouvidos que disseram admirar o petebista chegou a 21% dos entrevistados, segundo a amostra. Mesmo sendo o mais temido para assumir o governo, João Paulo (PT) é o segundo lugar quando se trata de admiração, obtendo 10%. FBC ficou em terceiro com 9%, seguido por Daniel Coelho, com 8%. João Lyra Neto é admirado por 2% dos pernambucanos e Tadeu Alencar por 1%.


Comentários


...

Mário Flávio

Jornalista & Blogueiro